Podcast: Infarto em pacientes jovens: por que isso ocorre?

 
 

O infarto em pacientes com menos de 50 anos de idade, e até mesmo na faixa dos 30 anos, tem sido observado com crescente frequência nas emergências dos hospitais. Estilo de vida não saudável, obesidade, tabagismo, hipertensão arterial (pressão alta), estresse, histórico familiar e uso de drogas estão entre os fatores que têm aumentado as ocorrências de infarto entre jovens. Saiba mais no vídeo.


Dra. Yara Santos Aguiar

Formação e títulos
Medicina: Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), 2001 - 2007 / Ilhéus - BA
Clínica Médica: Hospital Heliópolis, 2008 e 2009 / São Paulo - SP
Cardiologia: Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, 2010 e 2011 / São Paulo - SP
Subespecialização: Métodos Gráficos - Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, 2012 / São Paulo - SP
Título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2012
CRM-DF: 19903

Onde atende
Hospital do Coração do Brasil (HCBr)

SHLS 716, Conjunto G, Lote 6.
Asa Sul, Brasília (Mapa)

Centro Brasileiro Cardiovascular (CBCor)
SGAS 915, Lote 69 A, Salas 107-117,
Edifício Advance, Asa Sul, Brasília (Mapa)


Busca

Vídeo: Sintomas de infarto: quais são e o que fazer

 
 

Você sabe quais são os sintomas de um infarto? Neste vídeo o Dr. André Wambier, cardiologista, explica os sintomas e o que fazer diante deles.


Dr. André Luís Wambier

Formação e títulos
Formado em Medicina pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), 2002
Residência em Clínica Médica - SUS/SP, 2003-2005
Residência em Cardiologia pelo Instituto Dante Pazzanese/SP, 2005 - 2007
Título de especialista pela Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2007
Sócio efetivo da Sociedade Brasileira de Cardiologia
CRM- DF 17.276

Onde atende
Hospital do Coração do Brasil (HCBr)

SHLS 716, Conjunto G, Lote 6.
Asa Sul, Brasília (Mapa)

Centro Brasileiro Cardiovascular (CBCor)
SGAS 915, Lote 69 A, Salas 107-117,
Edifício Advance, Asa Sul, Brasília (Mapa)


Busca

Podcast: Síndrome do Coração Partido (ou cardiopatia de Takotsubo)

 
Mulher de meia idade com cardiopatia de takotsubo ou síndrome do coração partido
 

Talvez nenhuma doença da cardiologia reflita tão bem a interação entre cérebro e coração quanto a cardiopatia de Takotsubo — ou cardiopatia induzida por estresse (ou ainda: síndrome do coração partido). Ouça as explicações do Dr. André Wambier, cardiologista, sobre essa cardiopatia que acomete principalmente mulheres no pós-menopausa.

Dr. André Luís Wambier

Formação e títulos
Formado em Medicina pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), 2002
Residência em Clínica Médica - SUS/SP, 2003-2005
Residência em Cardiologia pelo Instituto Dante Pazzanese/SP, 2005 - 2007
Título de especialista pela Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2007
Sócio efetivo da Sociedade Brasileira de Cardiologia
CRM- DF 17.276

Onde atende
Hospital do Coração do Brasil (HCBr)

SHLS 716, Conjunto G, Lote 6.
Asa Sul, Brasília (Mapa)

Centro Brasileiro Cardiovascular (CBCor)
SGAS 915, Lote 69 A, Salas 107-117,
Edifício Advance, Asa Sul, Brasília (Mapa)


Busca

Podcast: Dor no peito: como saber se é grave?

 
Podcast: Dor no peito: Como saber se é grave?
 

Estudos americanos estimam que cerca de 25% da população já teve ou terá dor torácica. O sintoma é responsável por 10% das visitas aos prontos socorros. Essas dores podem ser divididas entre as que têm e as que não têm origem no coração. A avaliação da gravidade deve ser realizada por um médico. O Dr. Ivan Penna, cardiologista, aborda o tema neste podcast.

Dr. Ivan Penna

Formação e títulos
Medicina pela Universidade Federal de Uberlândia MG (UFU), 2001 - 2007
Residência em Clínica Médica pela Faculdade de Ciências Médicas Santa Casa de São Paulo, 2008 e 2009
Residência em Cardiologia pelo Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, 2010 e 2011
Médico Cardiologista Concursado do Senado Federal desde 2012

Onde atende
Hospital do Coração do Brasil (HCBr)
SHLS 716, Conjunto G, Lote 6.
Asa Sul, Brasília (Mapa)

Centro Brasileiro Cardiovascular (CBCor)
SGAS 915, Lote 69 A, Salas 107-117,
Edifício Advance, Asa Sul, Brasília (Mapa)

 


Busca

Podcast: O que é infarto agudo do miocárdio e quais são os principais sintomas?

 
sintomas de infarto
 

Infarto agudo do miocárdio é sinônimo de emergência, tanto por sua letalidade quanto pelo risco de deixar sequelas. A maioria das mortes por infarto ocorre nas primeiras horas de sua manifestação, por isso é importante a rápida detecção de sintomas e o início imediato de tratamento.

Os principais fatores de risco são o tabagismo, a hipertensão arterial sistêmica, o colesterol alto, a diabetes, o sedentarismo, a obesidade, o estresse emocional e o histórico familiar.

O sintoma tradicional é a dor no peito, do tipo aperto, persistente e de forte intensidade, que se irradia para o braço esquerdo, associada a sudorese. Náuseas, falta de ar, dor na região da barriga e outros tipos de dor torácica também são sintomas possíveis, principalmente em idosos, mulheres e portadores de diabetes. Saiba mais sobre o assunto neste podcast da Dra. Yara Aguiar, cardiologista.

Transcrição

Olá.

Você certamente já ouviu falar em infarto agudo do miocárdio. Mas você sabe o que realmente isso significa e qual a importância dessa doença? Pois bem, infarto ou isquemia caracteriza-se pela falta de oxigenação adequada ao miocárdio -- que, por sua vez, é o músculo do coração. Na maioria das vezes, essa doença irá ocorrer pela presença da aterosclerose, que, de maneira simplificada, é a presença de placas de gordura nos vasos sanguíneos do coração.

Mas qual a importância disso? As doenças cardiovasculares estão entre as principais causas de morte no nosso país e, dentre elas, estão essas doenças isquêmicas do coração, que perfazem cerca de 30% dessas mortes. O infarto agudo do miocárdio é sinônimo de emergência, tanto pela sua letalidade quanto pelo risco de deixar sequelas. Para demonstrar isso, vamos a alguns números. A maioria das mortes por infarto ocorre nas primeiras horas de manifestação da doença, sendo 40% a 65% na primeira hora e aproximadamente 80% nas primeiras 24 horas. Por isso, a importância de uma detecção rápida dos sintomas e o tratamento imediato.

Mas você deve estar se perguntando: “Quem corre risco de infarto? Quais são os seus sintomas?”. Vamos lá. Os principais fatores de risco são: o tabagismo, a hipertensão arterial sistêmica, a dislipidemia ou o colesterol alto, a diabetes, o sedentarismo, a obesidade, além do estresse emocional e da história familiar de infarto. A apresentação mais típica dessa doença se dá por uma dor no peito, tipo aperto persistente e de forte intensidade, que se irradia para o braço esquerdo, associada com sudorese. Porém, não se engane: o infarto tem as mais diversas apresentações, como, por exemplo, náuseas, falta de ar, dor na região da barriga e outros tipos de dor torácica. Essas apresentações ditas atípicas são mais comuns nos pacientes idosos, diabéticos e em mulheres. Dito isso, caso se depare com alguém que apresente quadro sugestivo de infarto agudo do miocárdio, procure a emergência mais próxima. Dessa forma, você poderá ajudar a salvar a vida de um familiar, de um amigo ou até mesmo a sua.

Eu sou a Dra. Yara Aguiar, cardiologista.


Dra. Yara Santos Aguiar

Formação e títulos
Medicina: Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), 2001 - 2007 / Ilhéus - BA
Clínica Médica: Hospital Heliópolis, 2008 e 2009 / São Paulo - SP
Cardiologia: Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, 2010 e 2011 / São Paulo - SP
Subespecialização: Métodos Gráficos - Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, 2012 / São Paulo - SP
Título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2012
CRM-DF: 19903

Onde atende
Hospital do Coração do Brasil (HCBr)

SHLS 716, Conjunto G, Lote 6.
Asa Sul, Brasília (Mapa)

Centro Brasileiro Cardiovascular (CBCor)
SGAS 915, Lote 69 A, Salas 107-117,
Edifício Advance, Asa Sul, Brasília (Mapa)


Busca